amazon

amazon
amazon - clique na imagem

domingo, 7 de setembro de 2014

Me Abraça


      Depois de muitos anos nos reencontramos. Um encontro casual, surpreso, inesperado...
      Ficou me olhando de longe até que eu sentisse seu olhar me cutucando para virar a cabeça e perceber sua presença...
      Muito barulho, muitas pessoas em volta, muitas conversas...
      E meu olhar achou o seu... Sorriram...
      Ainda estávamos distantes, mas foi como se os olhos chegassem primeiro, depois o pensamento, as lembranças, a saudade...
      Sem desgrudar os olhos nos aproximamos, sorrisos tímidos e ousados nos pensamentos... Boas lembranças se arrastaram como um vendaval, do passado para o imediato, derrubando tudo que há pela frente.
      As pessoas se afastaram formando uma rua estreita para que pudéssemos nos aproximar sem chances de recuo. As pernas ficaram trêmulas, a respiração ofegante, coração querendo chegar antes do corpo...
      A timidez chegou perto e me fez abaixar o olhar... Ele continuou me cutucando mentalmente...
      Mais uns passos... Já sentia seu perfume, o mesmo de sempre, inesquecível...
      Já conseguia ouvir as batidas de seu coração... O meu acelerou e os sons se uniram em harmonia...
      Bem perto, rosto bem perto do dele, olhos nos olhos, suspiro disfarçado de respiração...
      Ele segurou minha cintura e me puxou para si... A outra mão segurou minha nuca... senti-me desfalecer aos poucos ao seu toque... O mesmo de antes...
      Me preparei para o beijo, mas ele percorreu meu rosto com seu nariz... Fechou os olhos e sentiu meu cheiro... depois beijou minha orelha e me apertou num abraço...
      Que saudade, sussurrou no meu ouvido... Seu corpo colado pulsando no meu, sua mão percorrendo minhas costas e me apertando carinhosamente, a outra acariciando meus cabelos com pegada firme e decidida...
      Continuei esperando pelo beijo...
      Mas o abraço foi tão terno, tão intenso, que o beijo seria só mais um detalhe...
      E assim ficamos um bom tempo, nos sentindo...
      O beijo? Depois eu conto.

      Fim.

      Obs: apenas um conto sensual, que apesar de estar na primeira pessoa não diz respeito à autora.

12 comentários:

  1. Amei esse conto!! Estou precisando de um abraço desses! Bom demais um encontro casual e depois de tanto tempo.... Delicia!
    Beijos
    Adriana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tbm preciso de um abraço desse, intenso, terno, demorado... e com alguns arrepios também, por que não?
      Beijos!

      Excluir
  2. Ótimo conto, nos faz remeter ao passado e pensar em encontros que podiam acontecer, talvez só um abraço apertado e algumas palavras e nada mais, mas com uma intensidade enorme, muito bom.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Momentos intensos ficam marcados, Alfredo, e as lembranças permanecem fortes na nossa mente. Mesmo só um momento de ternura já faz uma diferença enorme na nossa vida.
      Beijos

      Excluir
  3. Oi Clara
    Que lindo esse conto, encantador
    Vim te convidar para participar do mosaico de links que abri lá no blog, funciona assim: você leva até três links de posts que você mais gostou de fazer. O bom disso tudo que vai haver mais interação nos blogs.
    Espero você lá!

    bjos
    Blog Pesquei na Net

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Carmen, vou lá sim! Interagir nos blogs é muito bom!
      Beijos!

      Excluir
  4. Nooossa, que lindo reencontro! E já imagino que, na virada da esquina foram correndo ao abraço total, como antes! Lindo! bjs,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, um segredo deles que a gente já sabe o final.
      Beijos, Chica gaúcha linda!

      Excluir
  5. Um conto lindo e com tanta ternura que só pode ter se completado com certamente ocorria antes.
    Beijos,
    Élys.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Um instante transformado num conto, Élys... muito bom descrever instantes.
      Beijos!

      Excluir
  6. lindo demais! Obrigada pela sua visita!
    Com carinho Monica

    ResponderExcluir
  7. Oi Clara
    Obrigada por participar do mosaico, fiquei feliz!
    Esse conto é muito bom. Abraça não é bom? delícia...
    Pinterestei!
    bjo

    ResponderExcluir

Olá, seja bem vindo e deixe seu comentário!

Eu os responderei por aqui mesmo ou por email, se achar necessário.

São muito bem-vindos, sempre!