amazon

amazon
amazon - clique na imagem

domingo, 10 de novembro de 2013

Mensagem Sem Resposta

No facebook:

Alguém comentou com um amigo muito querido que havia falado com Nilce na noite anterior, dizendo que ela estava cansada de viver e que já havia tomado vários remédios. Esse alguém mandara várias mensagens para Nilce, mas nenhuma fora respondida.

Tarde demais...

Não suportando a vida, os problemas, a solidão na multidão, Nilce se foi...

Espalhou tanto carinho, tanto afeto, sorrisos contagiantes mas sua vida real era dolorida demais para satisfazer e deletar suas dores... A vida pesava muito e fugir era a única opção que conseguia pensar...

Lá se foi Nilce para os braços do Pai...

Nilce Gibson, querida amiga virtual
 
Olha, não viemos a essa vida a passeio, temos sim um propósito de passar pelo que passamos, sofrer o que temos que sofrer, amar quem amamos, enfim, nada é por acaso.

Dores são individuais, assim como alegrias. Não dá para descrever os sentimentos de uma pessoa. Cada um sente de um jeito e de uma intensidade. Dores da carne geralmente se curam com medicamentos. Dores da alma, nem sempre conseguimos.

Às vezes o raciocínio é mais que um complô contra nós mesmos, querendo sair dessa zona de sofrimento, de angustia, nos levando a atos dramáticos contra a própria vida.

Não há o que fazer após esse gesto. Só oração, muita oração...

Mas há o que fazer enquanto se tem vida. Prestar atenção a quem está ao nosso lado, que convive conosco, as tristezas, os choros escondidos, o olhar perdido, as palavras estranhas... Saber ler nas entrelinhas, cuidar, ficar perto, dar atenção, carinho, ouvir, ouvir, ouvir... Sem julgar, sem tentar achar uma solução.

Não adianta tentar resolver o problema de quem sofre da alma doente. Não quer solução, quer atenção, quer gritar que está ali e precisa de algo, mesmo sem saber o quê.

Um abraço faz toda a diferença na vida... Coração com coração... E se puder, um beijo bem carinhoso, um afago nos cabelos, os polegares enxugando alguma lágrima pedindo socorro...

Olhar bem no fundo olhos e se fazer presente, de coração, de alma...

O ser humano é complexo e precisa ser observado, sempre.

Viver dói...

Pai de misericórdia, acolha essa alma sofredora, perdoe seus pecados e lhe dê um bom caminho espiritual.
Nossa Senhora, mãezinha querida, cubra com seu manto sagrado essa amiga que não suportou estar viva...
Amém!

17 comentários:

  1. Que a Nilce, finalmente, descanse em paz.
    Beijo, Clara.

    ResponderExcluir
  2. O meu maior desejo é que ela fique bem e encontre a paz.
    Beijos, Clara Lúcia.

    ResponderExcluir
  3. Que ela esteja na Paz desejada.Foi triste e chocante,não? Pena!! beijos,chica

    ResponderExcluir
  4. Oi, Clara! Muitas pessoas padecem por não suportar carregar o fardo sozinhas, sentem falta de apoio e de ter com quem compartilhar o peso da vida. Sinto muito que a falta de afeto e atenção levem pessoas de bom coração desse mundo. Um abraço!

    ResponderExcluir
  5. É difícil entender os sentimentos não mostrados, são escondidos atrás de um sorriso lindo ............
    Triste demais, demais!
    Paz e luz!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Clara
    meu coração dói ao pensar que alguém tão meiga e doce como a Nilce tenha tido tanta dor, a ponto de ir embora mais cedo.
    Dói mesmo
    e vc está certa.
    A solução disso é olhar com amor para quem está por perto de nós.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  7. Que a Nice descanse em paz!! É triste, mas esta é a realidade de muitos! Vamos pedir a Deus por essas pessoas que estão só dentro de si mesmo.

    ResponderExcluir
  8. Eu segui a Nilce por muito tempo nos blogs, depois ela sumiu... E agora essa noticia, fiquei chocada e meio dolorida também, é triste demais...

    ResponderExcluir
  9. Clara somenate te agradecer por partlhar esta noticia dolorosa,não conhecia a Nilce, mas conheço você virtualmente e faço minhas suas palavras , ecoam e sensibilizam e também alertam...não julgar é o princípio de todas as relações, por vezes convivemos neste mundo, o real e o virtual , e, nos deparamos com situações que nos impedem, pelo proprio bloqueio que estas pessoas emitem , de podermos sair da área de conforto e tentar chegar mais perto...Ontem li no face amigos da Nilce chocados se culpando até porque poderiam ter feito algo...Não é bem assim, o momento é de oração pela sua alma sofrida, agora é entre ela e Deus e este é Amor e Misericórdia. parabéns pelo brilhante texto .

    ResponderExcluir
  10. Que Nilce descanse em Paz
    Fiquei emocionada com o que escreveu, Clara
    Muito lindo!
    Tenha uma abençoada semana, querida
    Beijinhos de
    Verena e Bichinhos

    ResponderExcluir
  11. Olá amiga Clara, você mencionou algo importantíssimo:
    "...Mas há o que fazer enquanto se tem vida. Prestar atenção a quem está ao nosso lado, que convive conosco, as tristezas, os choros escondidos, o olhar perdido, as palavras estranhas... Saber ler nas entrelinhas....
    Que possamos ficar atentos a esses 'sinais'.
    Estamos orando ao bom Deus, e também a Maria, que sua amiga Nilce receba todo o amparo necessário no Plano Espiritual.
    Conforto a família.

    ResponderExcluir
  12. Clarinha,
    Ainda penso que não aconteceu nada.
    Mas está aí a realidade e desejo que ela fique em paz.
    Xeros

    ResponderExcluir
  13. Clara que belas palavras você dedicou a Nilce. Também sou dessa opinião: não devemos julgar ninguém pois a dor de cada um, só mesmo esse um pode saber. Precisamos isso sim, olhar mais para as pessoas e se disponibilizar a ouvir (coisa rara hoje em dia), a servir de ombro amigo, a consolar e a dar forças. Todos nós passamos por dificuldades, perdas e dores. Mesmo sem tê-la conhecido senti uma dor profunda ao saber da notícia de sua partida. Desde então, faço orações constantes a essa irmãzinha. Que nossas vozes cheguem ao Pai Misericordioso e que ele a conforte em seus braços paternos. O importante é todos lembrarem dela pelo que de melhor ela pode deixar e plantar nos corações de todos que tiveram a sorte de tê-la por perto. Bjs

    ResponderExcluir
  14. Gostei das palavras Clara, e tuas colocações foram muito pertinentes. A Nilce já deixou saudades. De nossa parte, vamos rezar e pedir luz, muita luz para esse espírito que fez sua passagem assim tão repentina. Que os anjos do Senhor o acolham e amparem e ajudem na caminhada rumo à luz. bjs.

    ResponderExcluir
  15. Clara você disse tudo e muito bem, a alma doente não quer só atenção, quer um afago, um abraço, que podem fazer a grande diferença. Que seja confortada em sua nova morada. Muitas orações e um grande abraço, Maria Teresa

    ResponderExcluir
  16. Oi Clara!
    Suas palavras me emocionaram muiiito! Que bela homenagem!
    Como ando afastada da blogosfera só hoje que me bateu uma saudade e visitando blogs que sigo encontro uma homenagem à Nilce. Não acreditei! Agora vim pesquisar mais e encontro seu post. Menina, certo diz o ditado de quem vê cara não vê coração. Quantas mensagens lindas ela nos oferecia, aquele sorriso bonito iluminando tudo, mas por dentro. Que ela encontre o caminho da luz!
    Beijinhos

    ResponderExcluir

Olá, seja bem vindo e deixe seu comentário!

Eu os responderei por aqui mesmo ou por email, se achar necessário.

São muito bem-vindos, sempre!