quarta-feira, 25 de abril de 2012

Redes Sociais e opinião própria


Engraçado e fantástico como se alastra uma informação nas redes sociais. Aconteceu algo "diferente"  em qualquer lugar do planeta, o mundo fica sabendo em questão de segundos!

É a tecnologia que está andando mais rápido que nosso bom senso.

Uma coisa que não me acostumo: gente mal humorada e que deseja o mal para quem quer que seja.

Hoje em dia, uma pessoa ter dinheiro é considerada arrogante, que pode tudo o que muitos não podem. Mas se a pessoa tem dinheiro, qual o mal nisso? É proibido ter dinheiro agora? 

Estou falando do Pedro Leonardo, filho do cantor Leonardo. 

Já vi muitos comentários por aí insinuando que se ele fosse pobre, já teria morrido, que como tem dinheiro, tem o melhor do melhor.... Tudo em tom de deboche, de sarcasmo, de ruindade mesmo.

Mas é claro, não é? Imagine um filho nosso numa situação de quase morte? Não lutaríamos pela vida dele, porque a grande maioria não tem condições? Quanta hipocrisia...

Ele é um ser humano, como você, como eu, e só porque teve a sorte (ou não) de ser famoso e ter condições financeiras, é crucificado por quem nem o conhece. Só falar e a notícia se espalha do pior modo possível, porque muitos seguem uma aberração dessa. Famoso nos dias de hoje, é o que não tem medo de se expor, de falar, mesmo não colocando a cara a tapa. Aí fica fácil, já que não sai de casa, não se expõe, e não corre nenhum risco.

Quanto mais negativa for uma pessoa, mais seguidores, mais fãs, mais ibope. Hipócritas! Não conseguem sequer ter opinião própria ou compaixão por outro ser humano.

Gente mal humorada, mal amada, mal criada!

Tantas e tantas pessoas morrem nos hospitais sem ao menos serem atendidas, tantas e tantas ficam meses esperando por um exame, outras tantas não conseguem vagas para uma internação e mais um monte rouba sem que nada aconteça.

Por que essas pessoas que não têm mais o que fazer a não ser fuxicar a vida alheia, não ficam um dia, somente um dia num hospital público e contem para o mundo o que acontece naquele lugar?

Ah, mas isso não dá ibope! Claro que não! Pelo menos você, meu querido hipócrita, pensará duas vezes antes de colocar seus dedinhos preciosos e bem arrumados no seu teclado e digitar qualquer merda, uma dessas que você tem aos bilhões instaladas no seu cérebro, antes de propagar uma aberração que nada tem a ver com nada.

Semana passada aqui em minha cidade, uma moça entrou no chafariz no centro da cidade, com uma faca, dizendo que ia se matar se não atendessem seu pai no pronto-socorro. Depois que a tiraram de lá, ela disse que há três meses tentava marcar um consulta para o pai, que já é idoso, que sente dores, que tem problemas renais, e não consegue consulta em lugar nenhum na rede pública. O engraçado disso é que depois o pai foi atendido, fez todos os exames, está medicado e passa bem. Isso é o cúmulo!

Outro caso: uma filha levou a mãe que sentia dores pelo corpo, ao pronto-socorro; lá ela foi medicada e dispensada. Em casa, passou mal novamente e voltaram ao pronto-socorro de madrugada e a mulher gritando de dor, simplesmente não foi atendida. Ficou esperando naquelas cadeiras horríveis, por mais de quatro horas e nada. Resultado? A mulher faleceu ali, em agonia, nos braços da filha. É lastimável! Agora um fica jogando a responsabilidade para o outro. Não é terrível isto?

O pior de tudo é que não vão ler.... Ah, que pena!!!

Mas adorei desabafar!

21 comentários:

  1. Sabe a minha opinião é que com as redes sociais fica mais fácil a pessoa falar/escrever o que quer valendo-se da distância da máquina para o leitor. Fica tudo muito frio. E o ser humano sempre foi e desejou maldades. Não é de hoje. Está mais aberto hoje por conta da facilidade. Mas antes das redes sociais, era só chegar numa rodinha de conversa que você escutaria o mesmo. A sociedade é cruel. Não tem época nem momento. Sempre foi.
    Beijos
    Adriana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Adriana...

      Eu fico chocado com o que leio...
      Que gente mau humorada! Parece que não tem família, amigos, nem nada! Como pode desejar o mal assim, de graça?
      Difícil entender...
      O que vc falou é verdade: antigamente tinha as rodinhas... hoje tem as redes....

      Beijos, querida!
      Bom dia!

      Excluir
  2. Eu não entro nelas, mesmo assim, vejo cada coisa que dá arrepios...beijos,chica e lindo dia!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Chica, faz muito bem não entrar.
      Tbm não entro, mas vejo cada coisa....

      Lindo dia pra vc tbm!
      Beijos

      Excluir
  3. Olá, adorei o desabafo, porque adoro opiniões. Está de parabéns.
    É, esse é o problema, há um preconceito com quem tem dinheiro e há um preconceito com quem não tem, sempre haverá preconceito, disso infelizmente não podemos fugir. O problema é se queixar de ser pobre, de não ter hospitais públicos bons para algum caso de emergência, ou por não ter uma casa por exemplo... SE, ninguém vota em um político que se dispõe à ajudar, ou mesmo só vota porque vota. E na verdade a política que é responsável por muito disso, né? Se as pessoas não sabem votar, não são alfabetizadas para isso, imagine então para criticar e se expor, vão ser argumentos talvez não muito ricos, como é o caso desses que rolam no twitter ou no facebook, tendo um pré-conceito sobre as coisas, um vai pelo outro, que vai pelo outro e ninguém acha nada se o outro não acha. É complicado...
    Beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Preconceito em tudo quanto é lugar, infelizmente...
      E todo mundo tomando conta da vida do outro.
      Gente medíocre e que não tem mais o que fazer...
      Que triste, que triste!!!

      Retrô, beijos, querida!

      Excluir
  4. Querida Clara, eu já fiz tanta postagem assim!
    Mas no final das contas quem fica mal humorada e amarga somos nós mesmas, por não poder mudar as coisas.
    Repara só quando tem uma rodinha de pessoas em volta de um atropelamento, por exemplo, a maioria quer ver sangue, quer ver a pessoa sem perna ...... um horror! Tem gente que vive disso, adora uma desgraça, e o pior, não ajuda em nada.
    E desgraça dá Ibope sim.
    Eu já desisti de reclamar, tenho um blog que falo sobre as coisas erradas daqui da minha região, isto é, falava ........... agora só escrevo o que tem de bom!
    E me irrito com os políticos, todos eles, que podem até ser honestos e tal, mas quando entram para a política ficam todos iguais .........
    Não temos mais em quem votar, esta é a verdade!
    E quanto aos ricos (por trabalho honesto) tem mais é que pagar tudo para salvar um parente ou uma pessoa amiga querida, o dinheiro é deles e é para gastar, não levamos nada no caixão, não é?
    E quando aos pobres, continuarão sofrendo, infelizmente, pois nesse país chamado Brasil, não existe uma política para o bem estar merecido das pessoas trabalhadoras, honestas ...........
    Enfim ............ até quando?
    Beijos querida.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É um horror, Turquezza...

      Eu fico triste vendo tudo isso, gente que perde tempo de graça, como se um dia sua vida não fosse acabar.
      Qto a política? Não voto em ninguém!

      Beijos

      Excluir
  5. Clara, o Facebook e o Twitter (que não tenho) ao que parece estão cheios de pessoas desinformadas, cruas, e por isso mesmo cruéis, Ontem a She escreveu sobre o que leu no TT e fiquei pasma. No FB, pelo menos no grupinho que me segue, ou eu a eles, não vejo muita gente sem noção, não, mas ainda assim aparecem os moralistas de plantão (leio nos comentários), gente que fala sem conhecimento de causa, só quer marretar.É impressionante o quanto tem gente pronta a julgar seja lá quem for, por qual motivo for. Desejo que o Pedro tenha o melhor tratamento do mundo, e desejo que nosso serviço médico contemple ricos e pobres da mesma maneira, pois quando entra a saúde, somos seres humanos, não somos cor nem condição social. Falou e disse! Beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tbm não tenho twitter, Lúcia, mas no face tem cada coisa que palamor! Eu deleto, sem medo!
      Gosto de me divertir lá e conversar com amigos.
      Gente mal humorada está completamente longe de meus olhos.

      Espero que Pedro tenha uma ótima recuperação e seja atendido pelos melhores médicos e que todo o dinheiro que tenha seja suficiente pra trazê-lo de volta...

      Beijosss

      Excluir
  6. Oi Clara!
    Eu entri no FB e procuro restringir o máximo os seguidores para evitar determinadas coisas. Tem gente que me viu comentar por ex. no seu face e vem para eu adicionar, não adiciono, tenho meus amigos blogueiros, a família e uns poucos amigos. Meu objetivo é entretenimento, curtir coisas boas, boa energia, não vestir camisa disso e daquilo e sair falando besteira. É muita hipocrisia, despeito dizer estas aberrações, ora, ora se vc tem dinheiro e pode, porque não vai fazer o melhor pra si e pelos seus! Tem horas que só desabafando mesmo!
    Beijinhos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valéria, eu tbm restrinjo muito minhas amizades. Prefiro os poucos, mas gosto de conversar com todos eles. Pra mim não tem essa de vestir camisa de nada não. Se não gosto, deleto, bloqueio e fico longe de hipocrisia.

      Beijos, amiga!!!

      Excluir
  7. OI Clara é lamentável mesmo determinadas atitudes de algumas pessoas.Nem todo dinheiro do mundo conseguirá salvar alguém se tiver chegado sua hora e é uma coisa óbvia lutarmos pela vida de quem amamos, principalmente nossos filhos e eu rezo para que suas lutas não sejam em vão. Felizes eles que ainda possuem esperanças
    Beijos no coração
    Marcia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Márcia

      É verdade, tem gente que tem raiva do mundo e fala o que não deve... e se esquece de que algum dia vai chegar sua hora.... é triste isso.

      Beijos, querida!!!

      Excluir
  8. Clara, assino com você esse desabafo! Parecido estão fazendo com esse grupo de jovens que desapareceram num curto percurso entre S. Mateus e Prado. É o mal das pessoas que querem "aparecer", falando besteira ou não, tipo "falem mal, mas falem de mim!" Eu tenho face mas meu grupo é seleto, não adianta pedir para add que se eu não conheço, se não é meu amigo, não add mesmo! Tem gente que tem prazer em ver o mal, em divulgar o mal! Tô fora com essa gente! Bjks Tetê - Avaliando a Vida

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que tragédia com esse meninos...
      Imagino a família agora, desesperada... se culpando por alguma coisa... não dá pra imaginar, claro, mas sempre me coloco ou tento me colocar no lugar do outro. Triste demais...

      Beijos, Tetê!!!

      Excluir
  9. Clara, vc percebeu (com certeza sim) que as pessoas perdem o MAIOR TEMPO criticando quem tá fazendo sucesso, que tá bem em vez de usar o tempo pra ir atrás do que gosta, de crescer, progredir? em vez de tentar subir, o pessoal quer nivelar pra baixo. por isso que o povo não evolui como ser humano, fica tudo nivelado dessa maneira (que até o sofrimento de um filho de artista seja uma espécie de vingança, vide o que fazem com a filha do Justus)

    ResponderExcluir
  10. Querida Clara! Parecia eu falando.... hahahaha Realmente a gente se parece, vibrei aqui com cada linha, cada indignação e cada verdade sem papas na língua que você falou. Sabe, minha querida, alguns seres humanos são, muito, mas, muito feios, mesmo. :( Parabéns pelo sensacional post, argumentação e texto perfeito! ;)
    Beijo, beijo
    She

    ResponderExcluir
  11. Olá, vim em visita e, mais uma vez, lhe parabenizo pelo blog, Tenhas um magnífico final de semana.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  12. Olá, vim lhe desejar um ótimo sábado, um excelente domingo e uma semana proveitosa, – cheia de paz e plena de realizações!
    Abraços.

    ResponderExcluir
  13. Olá, vim lhe desejar um ótimo sábado; um excelente, feliz e especial domingo Dia das Mães.
    Aceite o abraço fraterno do Viviani.

    ResponderExcluir

Olá, seja bem vindo e deixe seu comentário!

Eu os responderei por aqui mesmo ou por email, se achar necessário.

São muito bem-vindos, sempre!