amazon

amazon
amazon - clique na imagem

segunda-feira, 7 de outubro de 2013

Meus Quarenta e Poucos

Blog Simples e Clara

Quase meio século. 48. Aí estou eu olhando para o espelho, procurando uma nova ruga ou um novo fio de cabelo branco. E sempre encontro algo novo que ficará até meus últimos dias. Daqui para frente será assim... Mudanças e mais mudanças.

Quando estamos jovens não reparamos tanto nas mudanças, mas bastou completar os 40 e tudo fica mais claro. As doenças corriqueiras se mostram, as consultas médicas são mais frequentes, enfim, o começo de ter consciência de que cuidar da saúde é muito importante.

Não tenho problemas com a idade, é só a carcaça que tem 48, mas a mente, deixa eu ver, acho que uns 30 no máximo. Não queria voltar no tempo não, com a cabeça de hoje, como muitos dizem. Voltar no tempo com a cabeça de 50 seria insuportável! Cada idade sua fase, seu encanto, seu aprendizado. Não passamos por situações por acaso ou por culpa nossa, mas porque temos que passar. Coisas de Deus que nos cuida como todo pai zeloso e amoroso. Ele nos quer bem, mas nem por isso vai passar a mão na nossa cabeça e aceitar tudo o que queremos ou fazemos. Para isso temos esse tempo de vida, para aprender e para se perdoar pelas burradas cometidas e impensadas. E se na maturidade temos essa consciência, o ensinamento foi bem feito.

Agora, perto dos 50, gente, quase meio século, o que mudou? Acho que nada! Continuo cuidando da saúde, me olhando no espelho, vendo coisas novas velhas aparecendo e a vida continua.

Antes comemorava os aniversários como mais um ano de vida, agora, um ano a menos. A certeza de que a morte pode estar perto ou não é mais frequente. Tenho a sensação de que nem tudo posso e nem tudo consigo. Tenho limitações físicas e isso me deixa frustrada.

Tantas coisas novas, tanta tecnologia, tanto que eu gostaria de fazer e não dá por não ser uma jovenzinha imortal. É uma ilusão, mas se quisesse, dá para fazer, com limitações. Eu é que sou impaciente, rápida, atropelo tudo pelo caminho. A tranquilidade é uma das coisas que tenho ainda que aprender, a fazer uma coisa de cada vez, com calma (calma?), com cuidado... Difícil, mas eu chego lá.

Muitas atitudes que tinha antes, sumiram. Opiniões mudaram e, apesar de um grau elevado de miopia, passei a enxergar melhor agora. As pessoas são como são e ninguém tem o direito de mudá-las. Pensando assim o respeito ao próximo é maior e as discussões bobas que antes eu fazia questão de ter, se tornaram insignificantes. Hoje eu prefiro ter paz do que ter razão.

Perder tempo numa fase dessa? Não dá! Realmente a vida é muito curta e beirando os 50 tenho a impressão de que não vai dar tempo de fazer tudo o que quero. Ideais não mais existem como antes, sonhos ainda sobrevivem, mas mudam de acordo com o agora, porque pensar no amanhã é frustrante.

Quanto tempo será que ainda tenho? Que bom que não sei... Então viver o hoje, ser feliz hoje, sorrir hoje, fazer o que quero hoje, com a incerteza de que amanhã talvez não exista, é bem melhor!

E o bom humor? Ah, esse se tornou um constante em mim. Sempre e sempre. Já ouviram falar que "idosos" têm a vantagem de falarem o que querem? Tá certo que não sou idosa, mas sou uma pré-idosa. E continuo falando pelos cotovelos, viajando na maionese, pensando na morte da bezerra... Mas rindo de mim mesma, sem constrangimento. Me aceito mais como sou e não me importo nem um pouco o que pensam ou falam de mim. Eu me conheço e isso me basta.

Daqui há 2 anos acho que não terei muitas mudanças. Eu queria ter sim, porque vidas sem mudanças acabam em rotinas. Rotinas são boas, mas rotinas de conforto são péssimas! Não mudar por não mais ter idade, ou não mudar por preguiça de começar de novo é morte em vida!

Uma das alegrias dos quase 50 é ver os filhos crescidos, saudáveis, bom caráter e em sintonia comigo. Adoro me divertir com eles, falar besteiras, discutir, ouvir, ouvir, ouvir... Conhecer os amigos... Mas não deixar de ser mãe.

Daqui a pouco vem os netos e aí, meu Deus, me ajude! Vão ter uma avó palhaça, que não sabe fazer bolo e que cozinha muito mal! Não basta meus filhos serem cobaias e depois os netos!

Coisas da vida. Enquanto estou por aqui, que venham as rugas de tanto rir, que venham os cabelos brancos para iluminar minhas ideias, que venham os ataques de pelanca de tantas besteiras ditas, enfim, que a vida seja vivida ao extremo enquanto a tenho.

É isso.


37 comentários:

  1. Estás ótima! E a idade em nada muda, apenas a cabeça é que nos faz velhos ou não! beijos,tuuuuuuuudo de bom,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu fico frustrada, Chica, porque quero fazer coisas que meu corpo não mais acompanha.... é aí que a idade acusa que não sou mais uma jovem...
      Mas no resto, tá ótimo!

      Beijos e ótima semana!

      Excluir
  2. Que texto lindo, real e infelizmente oportuno.
    Já passei dos 50 há pouco tempo, mas desde que fiz 40 passei a ficar com menos pressa. Foda-se se não der tempo, mas tente cumprir com seus compromissos no horário combinado.
    Não fico mais me olhando no espelho e a barriga que cultivei depois dos 40 não é mais uma questão estética é questão de saúde mesmo. Mas o que fazer com um rompimento dos ligamentos cruzados do joelho esquerdo? Só me atrapalha um pouco quando subo escadas. Do resto?? Vai muito bem obrigado!!

    Beijuxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx... e mais uma vez PARABÉNS!!

    KK

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. KK, eu não consigo te ver dentro de uma academia, mas acho que só natação ou hidroginástica pra não te prejudicar o joelho. Caminhada também é bom, mas também não consigo te ver caminhando por uma hora três vezes por semana.
      Se cuide, isso é importante sim!

      Agora, uma barriguinha num homem é tudo de bom!!! Não tire a sua totalmente, deixe um pouquinho aí... acho um charme e muito aconchegante.... rsrsrs

      Mais uma vez muito obrigada, sempre!!!
      Beijos

      Excluir
  3. Clara cheguei aos 50 esse ano e passei por um processo muito dolorido e questionador a partir de sua idade. Fiz uma verdadeira análise de minha vida e tudo o que tinha feito ou não. É engraçado mas a partir da data de meu niver em junho passei a ficar mais tranquila, mais serena até mesmo porque não dá mais pra voltar atrás né, rsrs. Fiz as pazes comigo mesma e gosto de me olhar no espelho e observar cada ruga, cada mancha senil, cada pelanquinha que aparece. São meus registros da vida e deles não abro mão. Quanto ao espírito, mantenho-o jovem sempre! E continuo me cuidando na medida do possível. Feliz aniversário mais uma vez e que Deus continue a iluminar seu caminho e a te possibilitar realizar seus projetos e sonhos. Você foi um dos presentes que ganhei esse ano. Obrigada pela amizade. Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa sintonia foi imediata! Algumas pessoas são assim mesmo, se identificam de imediato!
      É bom chegar aos 50 bem, de bem com a vida, com a saúde e com uma cabeça jovem. E o mais importante é se perdoar sim! Não ficar lamentando o que já passou... já passou!

      Amém, Roseli, pra nós!!
      Beijos

      Excluir
  4. Eu estou com 39 e desde os 38 os 40 me assombram como se já os tivesse kkk... O que é a idade, afinal? E se não soubéssemos da data do nosso nascimento? Que idade nos daríamos? Enfim, muito louco isso de ir envelhecendo sentindo-se jovem, porque me sinto como com 20. Pode rir... kkkkkkk... Mas, aí, é a vida!
    E se nos sentimos no próprio aniversário com menos um ano de vida, porque nos parabenizam? kkkkkk... Muito louco! Mundo louco!
    Deixo meus parabéns a vc mas é por mais vida, viu?
    Tudo de bom, muita saúde, amor e paz! E a propósito eu me surpreendi que tenhas feito 48. Te daria uns 39/40, pois estais bem conservada e bonita. Parabéns!
    Beijinho!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então, acho que a idade, assim o peso corporal são só números pra deixar a gente frustrado, Meri. Muito louco mesmo. O importante é se sentir bem, ter saúde e rir muito!
      Vc tem carinha de menina, e se sente com 20 anos, que ótimo! Conheço tantos com 20 anos com mentalidade de 70!
      Realmente eu não aparento a idade que tenho, ainda mais qdo estou junto com minha filha. Muitos perguntam se é minha irmã.... rsrsrs
      Adoro isso!

      Beijos, obrigada, querida!

      Excluir
  5. Você completa, hoje a idade da minha primeira filha e portanto, posso dizer que você é ainda uma menina, só que com mais experiência adquirida nestes anos vividos. Não se preocupe com idade e continue sonhando, pois sonhar ajuda e muito a viver, assim como deve manter no coração a esperança de os realizar.
    Desejo que sejas muito feliz em sua vida e que muitos anos ainda comemore. Que Que Deus lhe abençoe muito!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amém, Élys!

      Viver bem,com sonhos, com saúde, com alegrias.... é um desafio totalmente possível e é a melhor solução!
      Às vezes me sinto uma menina mesmo... rsrsrs

      Beijos, muito obrigada!

      Excluir
  6. Kkkkk "pré idosa"? Temos só um ano de diferença, e tô fora desta reta kkkkkk Só vc Clara,! Estou nesta fase: Planejo realizar trocentas coisas e a porcaria da carcaça não acompanha kkkk, fazer o quê? Vamos vivendo, viver é simplesmente o sentido da vida.
    Bela reflexão!

    Tenha uma semana luz!

    Bjãooooo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então, Bia, a carcaça fica lenta demais.... muita lenta pra mim que sou um foguete pra fazer as coisas... me dá aflição demais esperar a vontade do corpo em acompanhar minha mente... eu sofro com isso, viu? rsrsrsrs

      Uma linda semana pra vc, linda Bia!
      Beijos

      Excluir
  7. É querida, nos meus 42 penso um pouco como você. Mas cabelo branco é o que mais tenho rsrsr e sabe o que é mais engraçado, é que todos perguntam onde fiz essas luzes por que felizmente está um branco acinzentando sabe não amarelado. Mas vc está ótima nos 48, parabéns pelo post pessoal. Continue com esse entusiasmo que vc vai longe. Abraços.

    http://papodemulheremaisumpouco.blogspot.com.br/
    http://pequenasconquistasgrandesfelicidades.blogspot.com.br/

    neste segundo blog ta rolando um sorteio de uma panela no formato de pimentão.. pra mim está mais pra tomate kkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lucélia, os primeiros fios assustam mesmo, mas como não tem jeito, encarar de frente e com bom humor é a melhor maneira.
      Eu pinto meus cabelos, da cor deles mesmo, porque nunca estive preparada pra mudar radicalmente minha figura. Mas quem sabe?

      Vou lá no blog depois e me inscrever!

      Abraços!!!

      Excluir
  8. Pra começar vc não parece ter 48 nunquinha da silva rsrs está muito bem, eu tbm não queria voltar a ter menos idade pq chegar onde estou tive que passar por muita provações e isso serviram para o meu amadurecimento, espero que sejas uma vó muito lega mesmo rsrs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uma avó bem palhaça e sem noção, Patrícia. E já avisei que vou mimar muito meus netos, estragar eles muito e depois devolver pros pais educarem... rsrsrs
      Só não vai ter bolo e nem comidinha gostosa!

      Beijos

      Excluir
  9. Clara,
    A idade vem com uma força e nos traz uma certa sabedoria... Adorei tudo que vc falou! Parabéns, que vc se ama de verdade e não tem medo de envelhecer.

    Mil bkosss e muitas felicidades!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nem adianta ter medo, Sheyla, ou envelhecemos ou morremos jovens... rsrsrs
      Essa força nos faz viver melhor, na velhice.


      Beijos, obrigada, querida!

      Excluir
  10. Amiga Clara, o que falta em limitações físicas sobra em muito no pensamento e na inspiração!
    Grande abraço, saúde e muita paz interior.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, isso é verdade, Milton, meus pensamentos viajam em lugares inimagináveis... até eu me surpreendo! rsrsrs

      Grande abraço, amigo talentoso!

      Excluir
  11. Você está moça ainda, Clara
    Não parece a idade que tem
    Agora, com 60 e muitos, feito eu, a coisa fica mais complicada...rs
    Linda semana
    Beijinhos de
    Verena e Bichinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não consigo me imaginar nem com 50, imagina com 60? Mas queira Deus que eu chegue aos 60 sim, com saúde, bom humor e disposição, assim com vc que parece que tem.

      Linda semana também, beijos

      Excluir
  12. Clara, jurava pela imagem e pelos textos que leio aqui que estava na casa dos trinta! Adorei seu ponto de vista sobre dizer que voltar à jovialidade com a cabeça de 50 seria insuportável... sabe que eu nunca havia pensado nisso? ;)
    Eu também acho que serei uma a vó adorável, com a difreença de que sei fazer bolos, hahaha. Tão bom perceber que com a idade não envelhecemos e sim, evoluímos, grande diferença entre um e outro.
    Um abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Imagina que pessoa chata com 20 anos e tendo atitudes de uma de 50? Todos não iam suportá-la! Melhor viver cada fase de uma vez, com seus encantos.

      Sou péssima em fazer bolos... nem aqueles de caixinha ficam bons! Não tenho dom e nem mão boa pra cozinha... rsrsrs

      Beijos, Bia!

      Excluir
  13. Nem vou te falar mais nada , só vou te deixar um beijo enorme , rs.....
    Bruxo

    ResponderExcluir
  14. Minha linda, parabéns, e, você ainda é uma menina, com certeza mulher não envelhece fica loura segundo um ex aluno . Beijos e felicidade cada vez mais acumulada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade... vou ter que me acostumar com a loirice natural... adorei!!!

      Obrigada, querida! Beijos

      Excluir
  15. Oi querida Clara, eu estava fora este final de semana e não soube do seu aniversário.
    Sabe, gosto de você de graça e nem me pergunte a razão ....... não sei.
    Gostei do seu texto, é isso que penso. Quem não envelheceu já morreu.
    Eu já passei dos 50, só reclamo um pouco da falta daquela energia toda dos 30 rsrs, mas não adianta pensar, temos que continuar fazendo, sonhando, no nosso ritmo atual, né? Viver, viver, viver ............ é muito bom e não vamos ficar nos preocupando
    com o futuro. Quero ainda viver até uns 100, claro que com saúde e sem depender de ninguém. Ahhhhh difícil, mas não impossível. Tenho uma netinha de quase três anos, pena que mora longe demais e não posso fazer meus bolos deliciosos para ela rsrsr
    Feliz aniversário, feliz vida com saúde e paz. Número para mim só serve para tentar a Mega Sena rsrsr
    Beijos querida.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jô, obrigada, querida!
      Que vc viva até os 100, independente e lindona, como é!!!
      A gente assusta um pouco com o passar do tempo, mas depois se acostuma.
      A gente relaxa e vai vivendo, bem, com bom humor e saúde.

      Uma ótima semana!
      Que venha a Mega Sena!
      Beijos

      Excluir
  16. Boa tarde Clara, você não aparenta estar com quarenta e poucos anos, a vida lhe conservou bem. Agora, vou falar de uma coisa que notei nesta nova fase, em que estou lendo as suas postagens, eu sinto você mais leve e com a cabeça, realmente, mais jovem, estou amando passar por aqui. Parabéns pelo texto, parabéns por estar tão bem, limites todos têm, até os mais novos. Abraços carinhosos de Maria Teresa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Maria, realmente não aparento ter a idade que tenho, e mentalmente então, sou uma moça! rsrsrsrs
      A gente vai cultivando a leveza, deixando pra lá o que nos faz mal, adquirindo novos hábitos saudáveis e a vida fica bem melhor, independente da idade.

      É sempre muito bem-vinda!

      Beijos

      Excluir
  17. Clara,lendo seu texto pensei: Meu Deus,acho que sou retardada! Tenho mais de 50 e a cabeça de uma adolescente!...rss...existem vantagens em ser assim,mas tb algumas desvantagens.Vc tá lindona,amiga! E ainda vai fazer muita coisa que nem pensava antes! Vai ver! A idade dá uma força incrivel pra gente e, mesmo que o corpo não tenha o mesmo pique, descobrimos que podemos aprender coisas novas sempre e nos realizar em muitas coisas.Bjs e mais uma vez,felicidades!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Somos 2 retardadas, Anne, às vezes me sinto uma mocinha também!
      Acho que com a idade a gente vai tendo mais coragem de fazer sem ficar constrangida, sem se importar com o que os outros vão achar...

      Muito obrigada, querida!
      Beijos

      Excluir
  18. Menina,
    desconfio que faço parte deste time também: as retardadas de plantão,rsrsrss...daquelas que nem sempre confiam na imagem que o espelho mostra,pois sou dessas.Quero curtir o que de melhor ainda virá e saber que passado meio século e mais alguns anos eu ainda tenho descobertas a fazer.
    Parabéns, alegrias e doces descobertas pra vc. Felicidades!
    Abração,
    Calu

    ResponderExcluir
  19. Clara Lúcia, nome lindo, meus parabéns, que Deus a conserve sempre assim, com esta carinha de menina e a cabeça boa e leve!
    Muitas alegrias no coração e a família ao seu redor, nem vai sentir o tempo passar, vais ver.
    um abraço carioca


    ResponderExcluir
  20. Claríssima, está fabulosa com os teus 48 anos. Orgulha-te de cada ruga, de cada cabelo branco.... não há forma de viver senão ganhando anos! Muitos parabéns pelo aniversário e continua a cuidar da saúde.
    Beijinho, um doce restinho de semana
    Ruthia d'O Berço do Mundo

    ResponderExcluir

Olá, seja bem vindo e deixe seu comentário!

Eu os responderei por aqui mesmo ou por email, se achar necessário.

São muito bem-vindos, sempre!