sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013

Amor Doentio


Num antigo post meu de 2011, Amor Psicopata, ainda recebo comentários, desabafos, sugestões e perguntas de leitores. E semana passada recebi este:

"NOSSA TO PASSANDO IGUAL E O PIOR É QUE ATE TIROS JA LEVEI E NÃO SEI COMO MI SAIR ELE NÃO PODE ME VER COM NIMGUEM QUE VAI PRA CIMA A ULTIMA VEZ METEU FOI TIROS MAS GOSTO DELE SO QUERIA QUE ELE MUDASSE."

Eu fico chocada com as atitudes dos homens, que pensam que seguram mulher na força física. Nisso eles são melhores que nós, o dito "sexo frágil". Frágil nesse sentido, de força muscular.

Fico triste com comentários desse tipo e fico imaginando como a pessoa ainda diz amar um ser tão deplorável. Mas ainda explico: a mulher perde a noção do que é bom ou ruim. Homens psicopatas seduzem de uma tal forma que a mulher perde a capacidade até de raciocinar. De enfrentar então, quase impossível, porque ela fica com medo de comentar com alguém e ser ridicularizada pelas pessoas ou ser chamada de fraca. Mas a mulher fica exatamente assim, fraca demais para tomar qualquer atitude.

Os homens psicopatas (no caso homem, mas existem mulheres também) dominam de uma tal maneira que as mulheres perdem completamente a autoestima, a vaidade, o orgulho e chegam a pensar que esse tipo de homem é o único na face da terra que as mereçam. São sedutores de uma tal maneira que as mulheres pensam ser amor, devido à intensa "preocupação" que demonstram, dizendo que é cuidado, ciúmes excessivo e que ninguém mais vai amá-las como eles.

Só quem passa por essa situação compreende porque mulheres dominadas por psicopatas não reagem. Quem está de fora enxerga muito bem a situação e talvez por isso eles proíbem a mulher de comentar o que for com outras pessoas. A ameaça é constante, a vida é um inferno, as torturas emocionais transformam a mulher em escrava e em sacos de pancadas. E ainda fazem pensar que a culpa é dela, por eles terem uma atitude dessa.

É fácil julgar uma mulher que apanha do marido, que é maltratada, agredida, humilhada, é fácil dizer que ela não deveria estar com ele, que não deveria ter tido filhos, que não deveria ser tão dependente e ter abandonado uma profissão, amigos, família e tudo o mais. Muito fácil julgar para quem não está passando por essa situação.

A mulher sente vergonha, por isso se cala, se acha incapaz, por isso se vê sozinha. Isso não é vergonha de jeito nenhum! Vergonha é o homem maltratar sua companheira, mãe de seus filhos, vergonha é ele usar de uma força bruta para prender uma pessoa. Isso é crime! Pessoas psicopatas têm uma lábia convincente, sedutora, que dificilmente alguém duvide do que fala. Mas já pararam para pensar que as pessoas acreditam nessa pessoa porque quem é agredido simplesmente se cala? Por medo? Eu acredito que alguém ao redor, alguém que ama essa pessoa que passa por situação de sofrimento, quando toma conhecimento do que acontece, vai acreditar sim e vai ajudar de alguma forma. Não se calem, por favor! Não levem a primeira humilhação, o primeiro empurrão, o primeiro tapa... e o último tiro.

Se alguém ler este post aqui e souber de alguma mulher, mesmo ela sendo bonita, inteligente, rica, bem situada profissionalmente, e que aos poucos vai se abandonando depois de ter conhecido um homem, pelo amor de Deus, não julgue! Ela precisa de ajuda, de alguém que lhe estenda a mão, que a ouça, que a abrace, que chore com ela, que mostre uma solução, uma saída. Se souber de algum tipo de agressão, denuncie. O telefone é o 180. E se você mulher, passa por isso e não tem coragem de contar para ninguém, crie coragem e procure ajuda. Talvez as pessoas não saibam porque você nunca comentou por medo de represálias do marido, medo de apanhar, medo de prejudicar seus filhos, medo de não ter onde morar, MEDO! Existe a Delegacia da Mulher, existem psicólogos gratuitos no fórum de sua cidade, existem lares para abrigarem mulheres maltratadas, existe solução sim! Só não podem continuar numa vida de inferno, de maus tratos, de agressões e humilhações.

Procure ajuda! Ajude alguém que precise de ajuda! Não é simples e isso é muito grave! Amanhã essa mulher pode não estar mais entre nós. E o assassino ainda vai colocar a culpa nela, por ele tê-la assassinado. São doentes, são psicopatas e não vão se curar nunca!

Cena da novela Mulheres Apaixonadas em que Marcos espanca Raquel

Um ótimo fim semana para todos!


9 comentários:

  1. Oi Clara, acompanho sempre aqui mas acho que nunca comentei.
    Sei bem o que é isso. Já me relacionei com um homem assim. Ele nunca chegou a fazer nada, mas já me ameaçou horrores.
    Fiz três B.Os. O último não foi na delegacia da mulher, foi em um plantão, e enquanto estava lá, tive que ouvir o policial dizer que se eu namorasse com ele, que anda com um 38 na cintura, eu não sofreia aquilo. Me cantou na cara dura. Me senti um lixo.
    Na audiência, fui informada que o cara já tinha passagens pela policia. E eu nem desconfiava. Meu advogado disse que ele poderia usar um recurso que é concedido e não ser julgado, não me lembro o nome. E se depois disso, no período de 2 anos, ele fizesse alguma coisa ai sim ele seria julgado. É revoltante.
    Meu advogado pediu então que me fosse concedido uma sentença como medida protetiva. Ele não pode chegar perto de mim, falar, escrever ou qualquer outro contato comigo e meus familiares.
    Enfim... Eu denunciei e embora tenha essa medida protetiva, não fico em paz. E se ele fizer alguma coisa sabe o que vai acontecer? Ele paga uma multa de R$ 500,00 e fica esperando a graça da justiça em fazer alguma coisa.
    Parabéns

    Bêjo da Cris

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Cris...
      É revoltante demais mesmo, mas já é alguma coisa. Infelizmente pra polícia, primeiro precisa de provas (primeiro eles nos destróem e atém matam), pra depois tomarem providências.
      É uma falta de respeito sem tamanho com a mulher, e usam isso, a força física, um 38 na cintura, pra se sentirem poderosos. Eu fico revoltada também!
      Tenho esperanças de que um dia isso vá mudar... nem sei o que dizer, porque já ouvi tantas histórias assim e o cara continua numa boa, andando por aí, com aquela cara de paisagem, e até se fazendo de vítima.
      Tenho que te dar os parabéns por não ter aguentando calada, isso já é um começo, nem que fique marcado por muito tempo ainda, não ficou aguentando as brutalidades de um animal selvagem que não deveria estar em sociedade.

      Muito obrigada por seu comentário.
      É sempre bem-vinda!
      Beijos

      Excluir
  2. Simplesmente sensacional o seu alerta e o seu post! Enfim... é muito mais comum do que a gente pensa... mas as coisas já estão mudando o que traz esperança que um dia acabe.
    Beijo, beijo queridona!
    She

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu creio que já mudou um pouco, mas ainda há muito o que fazer. A internet ajuda muito, sabia? Quem não tem pra onde correr, pesquisa por aqui e acaba achando uma solução, felizmente.

      Beijos, querida!

      Excluir
  3. Adorei essa postagem. Esse assunto tem que ser abordado cada vez mais.
    Essa é a triste realidade de muitas mulheres e isso tem que mudar.
    Beijos
    Chris
    http://inventandocomamamae.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É muito mais comum do que imaginamos, Chris... infelizmente.

      Beijos... em vc e nas meninas!

      Excluir
  4. Carla,
    belo post, é sempre muito bom fazer esse tipo de alerta!
    abs
    Jussara

    ResponderExcluir
  5. Querida, desculpe-me...erro de digitação Clara

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não tem problema, Jussara!

      Obrigada por comentar... beijos

      Excluir

Olá, seja bem vindo e deixe seu comentário!

Eu os responderei por aqui mesmo ou por email, se achar necessário.

São muito bem-vindos, sempre!