quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Meus Heróis


Blogagem Coletiva - Meu herói ou heroína de infância, do Blog Uma Pandora e sua caixa. Cliquem AQUI! Participem, comentem, nos contem qual herói ou heroína faziam vocês ficarem queitos em frente à TV.


Na infância não tive muitos acessos a gibis, revistinhas e nem cinemas, mas me lembro do primeiro herói que amei, que fui no cinema assistir e fiquei impressionada desde o início do filme, quando apareceu o espaço azul estrelado, fazendo aquele barulho imenso, passando pelos planetas todos até chegar à Terra. Superman com Christopher Reeve, que para mim é o único Superman.




Foi amor à primeira vista, ver um homem tão lindo, tão másculo, com aqueles enormes olhos azuis, e ainda por cima apaixonado por uma moça não tão bonita, Lois Lane, que poderia muito bem ser eu, Clara Lúcia! Era exatamente isso que eu ficava imaginando: o Superman vindo me resgatar das histórias que imaginava e ficava falando sozinha no meu universo pré-adolescente ou adolescente, não sei.

Outro que eu era apaixonada e não perdia um dia sequer quando passava na TV: Speed Racer. Gente, como eu amava aquele desenho! Um carro que andava até debaixo dágua, que só apertando um botão ele também voava, triturava pedras e não sofria nenhum arranhãozinho... ahhhh, que sonho!
Go, Speed Racer, go Speed Racer, go Speed Racer, go!!!
Minha paixão era pelo carro, Mach 5, e não pelo mocinho que dirigia o carro. Me lembro perfeitamento tudo o que o carro fazia, por onde andava, os botões mágicos que o transformavam em tudo, e o mocinho eu torcia para que ficasse com a mocinha da história. Será que era assim mesmo? Sabe que não me lembro tanto assim? Mas do carro... ahhh, eu queria e quero um pra mim!




Minha paixão por carros começou com esses desenhos de carros, de corridas... que eu, ainda pequena, assistia e amava. Penélope Charmosa, que apesar de achá-la um pouco chatinha, enjoadinha, sempre se dava bem. O que eu gostava mesmo era do carro cor de rosa e de todos os carros que corriam naquela Corrida Maluca. Carros, sempre carros!


Queria um carro desse, conversível e rosa! Amava!


29 comentários:

  1. Clarinha, fui apaixonada pelo Superman kkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu sonhava com ele... ficava andando nas ruas, inventando histórias só pra ele vir me resgatar.... desde sempre louca! rsrsrs

      Excluir
  2. Superman é um referencial para o mundo dos heróis. Falando nele, gostei muito de Smallville! acompanhei quase toda a série. Bons tempos. Obrigado por ter participado de nossa blogagem coletiva. Abraços!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também gostei de Smallville. Assisti muitos episódios, mas não cheguei ao fim da série.

      Abraços!

      Excluir
    2. Foi ficando enfadonho a série, mas mesmo assim, a contribuição dela para o mundo do Super Homem foi inegável. Assisti até a 8ª temporada, se não me engano e depois vi o último episódio... foi triste dar adeus... Abraço!

      Excluir
    3. Eu assistia na TV aberta e depois de um certo tempo, começou a repetir muito e que me desmotivou. O SBT sempre fazia isso, ia até um certo ponto e depois começava a repetir. Nem sigo mais nada do SBT.

      Excluir
    4. Verdade seja dita. Eu tmb desmotivei-me por causa disso! Abraços!!

      Excluir
  3. Aaaah, o Superman é assim um homem nobre, apaixonado pela raça humana, bom moço, querido. Eu também amei o Super. E adorava a Penelope quando assistia a Corrida Maluca, assisti o Speed, mas não me emocionava como emocionava você!!!

    Enfim, adorei, trouxe três ícones e a postagem ficou linda!!! Obrigada Clara por participar, obrigada mesmo!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adorei participar!
      Sempre que possível, estarei junto!

      Beijos

      Excluir
    2. Obrigada Clara, sempre se sinta convidada!!!

      Excluir
  4. Ai, que bacana essa postagem!!!! Adorei!!!
    Relembrei muita coisa da infância.
    Beijos
    Chris
    http://inventandocomamamae.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infância nos faz recordar muitas coisas...
      Como vc é mais novinha, não deve se lembrar do Speed Racer e Corrida Maluca... rsrsrs

      Beijos

      Excluir
  5. O Super Homem figura em todas as listas de bons super-heróis. Nem sei lhe dizer qual o que mais gostei, foram muitos, muitos.
    Beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muitos mesmo, Lúcia. Não dá pra escolher. Escolhi o primeiro e o que mais me encantou como desenho.
      Naquele tempo era tudo tão diferente... mais ingênuo, criativo, inocente...

      Beijos

      Excluir
  6. O, Clara Lúcia!
    Que grande barato esta coletiva, a gente está conhecendo um pouquinho das vivências de nossa fase infantil e jovem, e como tem super-herói variado aparecendo daqui e dali.
    O Superman é mesmo invencível,adoro-o.
    E adivinhe qual é o meu super-herói? Para isso terá que ir lá conferir, te espero, ok.
    beijos cariocas


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fui lá ver... que post delicioso, Beth!!! Adorei!
      Beijos

      Excluir
  7. Todos eles eram demais com certeza...amei o post.

    ResponderExcluir
  8. Olá querida Clara, hoje estou com um recadinho pronto, me desculpe, havia prometido a mim mesma que não visitaria meus seguidores com recadinho deste tipo ,mas como hoje é um dia especial ,aniversário do blog, um aninho de vida, venho te convidar a experimentar um pedacinho do bolo e buscar um selinho de presente.
    Deixo um pensamento de Wilton Lazarotto que diz: “ Ser persistente é o melhor caminho para o sucesso e as grandes realizações”.Na vida muitas vezes temos que ser persistentes, se quisermos ver os nossos sonhos realizados. Um dos meus sonhos é manter a nossa amizade nesta blogosfera, uma vez que a tua presença lá no meu cantinho é motivo de grande satisfação e alegria.
    Abraços com carinho Lourdes Duarte.
    O link da postagem é: search/label/ANIVERSARIO DO BLOG.

    ResponderExcluir
  9. Clara,
    o Superman é imbatível em nosso pódio de super-heróis né?E que boa lembrança a do Speed Racer,como eu já era mocinha,o achava um gatinho, mesmo sendo desenho animado, rsrsrss...
    Estamos passeando num gostoso túnel do tempo.
    Bjos,
    Calu

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amo até hoje o Superman com Christopher Reeve! Pra mim ele é o único!

      Beijos

      Excluir
  10. Belas lembranças e voce trouxe alguns que me encantaram.
    Gostei de relembrar A corrida maluca.
    Era muito bom se jogar nas estorias.
    Carinhoso abraço amiga.
    Bjo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito bom relembrar a infância, e olha que tenho muitas recordações que dariam ótimas histórias!!!

      Abraços, amigo!

      Excluir
  11. Ai Clara,me vi nessa postagem pois tb adorava a Penélope charmosa!...rss..e o Speedy Racer,então! Desenhos que a gente não esquece e tem sabor de infancia!bjs e parabéns pelas escolhas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu ficava aflita com a Corrida Maluca, mesmo sabendo que aquele malvadão ia se dar mal sempre! Criança sofre, Anne!

      Beijos

      Excluir
  12. Show sua postagem. E interessante que os desenhos animados despertaram em você a paixão por carros.
    Quando ao Superman, o próprio ator mencionado foi o verdadeiro herói em sua trágica trajetória.

    => CLIQUE => ESCRITOS LISÉRGICOS...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adoro carros, Chris, me lembro qdo era pequena, com uma vida bem simples, um dia um Gordini parou na porta de minha casa. Verdinho. Veio buscar alguém, que não me lembro. Só sei que fiquei encantada porque nunca tinha visto um carro por dentro.
      Adoro!

      Excluir
  13. Foi grande a alegria de te ver lá no meu cantinho, comemorando o aniversário do blog. Obrigada que juntos nesta blogosfera possamos fazer a diferença, postando conteúdos de boa qualidade e atrativos, para que os nossos internautas sinta vontade de retornar. Abraços uma noite abençoada e um amanhecer de muita paz e alegria. Bjuss

    ResponderExcluir
  14. Oi gostei do seu blog!
    Venha divulgar ele bjs.

    ResponderExcluir

Olá, seja bem vindo e deixe seu comentário!

Eu os responderei por aqui mesmo ou por email, se achar necessário.

São muito bem-vindos, sempre!