quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

Meu fusca 79

Olha a cobertura do farol... parecem cílios....

Branquinho, lindinho, rodas esportivas, insulfim, bancos altos e... fusca.
Como todo e bom fusca, de um jeito ou de outro, anda... Nem se for no tapa!
Quem já dirigiu um, quem já teve um, sabe que é um xodó, digamos, um amor temporário. E dói quando temos que vendê-lo.
O meu era um fusca, mas nada original. O motor era 1.300, os faróis eram diferentes, que não sei explicar... sabe aqueles que parecem cílios postiços?
E é pequenininho, cabe em qualquer lugar. Para estacionar é um segundo e pronto!
Mas, quando ele emburra e empaca... Dá vontade de pegar um martelo e afundá-lo todo.
Quando eu o comprei, o dono garantiu, é claro, que não tinha defeito nenhum. Na primeira chuva, minha perna esquerda ficou enxarcada, por goteiras dentro do carro! Já viram goteiras dentro do carro?
E para abrir o capô, então? Tinha que ir conversando, conversando, com toda a calma, amigo, e pronto, ele obedecia e abria.
Mas também, como todo bom fusquinha, ele travava; acho que era a fase de TPM, então não tinha nada o que fazer, a não ser chamar alguém para dar um fuçada.
Um dia, eu na maior tranquilidade, numa rua de pouca descida, parada no semáforo, quando este abriu, pisei, pisei, pisei e nada! E o danado começou a descer, o freio de mão não funcionou, o freio quase que saiu pelo assoalho, a direção travou e eu quase bati num carro parado.
Tudo isso aconteceu em frente a um bar, cheio de manguaceiros, que vendo meu desespero, começaram a mexer comigo.
E eu fiquei desesperada mesmo, e não sei como, saí do carro e o parei na unha!
Daí, um filho de Deus que apareceu não sei de onde, ofereceu ajuda e eu, claro, aceitei; entrou no carro, desligou, ligou de novo e tudo certo. Não sei até hoje o que aconteceu. Menos mal, porque aguentar gozação depois, por ter batido em um carro parado, a 5 km/h, não ia aguentar!
Outro dia, aliás, vários outros dias, quando estacionava bonitinho, certinho, na hora que ia embora, a primeira não engatava de jeito nenhum. E eu ficava horas, com calma, pelejando, pelejando e nada.
Então, calmamente, saía de terceira mesmo. E ele ia obediente, em terceira, todo poderoso!
Um dos primeiros passeios que tive com ele, foi quando fui num casamento, sozinha, sem marido. Então, na igreja, com todas aquelas amigas sem carro, queríamos ir à festa. Coloquei-as todas no fusquinha, acho que umas seis mulheres, e vamos embora! E numa dessas rotatórias movimentadas, o bonitinho travou e não saía de jeito nenhum. Eu nunca ouvi tanta buzina junta, na minha orelha. Mas nesse ponto até que sou calma. Não fico irritada e nem afobada.
- Coloca a primeira, tia!
- Coloca gasolina, tia!
- Desce e empurra, tia!
- Tira carta primeiro, tia!
E eu nem dava confiança. Depois de muito tempo, e com as meninas todas rindo muito, consegui engatar a primeira e partir, feliz da vida, para a festa de casamento.
O duro de vender carro velho: nunca, nunca tem o mesmo valor que você comprou.
Acham defeitos onde você nem imagina que exista aquele lugar.
- Olha, meu senhor - dizia eu - se o senhor está procurando um carro zero, sem problemas nenhum, com certeza não é o meu fusca. Pelo preço dele, é pegar ou largar!
- Vou dar uma olhada por aí e depois eu volto!
E não é que ele voltou e pagou o preço que eu pedi? Mas claro que não falei da goteira para ele né?
Goteira? Que goteira?
Saudades de você, meu fusquinha lindo!!!

17 comentários:

  1. Amiga, viu só? fui a primeira a comentar... Rsrsrs
    Gostei da sua postagem, o "fusca" lembra meus tempos de juventude, era o carro da época...
    Grande abraço!!!

    ResponderExcluir
  2. Rrsrsrrsrsrs Tive um, azul bic, a cor da moda atualmente... O primeiro foi um corcel da Ford (tó véia), bom de motor! O segundo veio o inesquecível fusquinha... Mas evoluí, está semana ganhando um zero, presentão do maridão. o modelo é pequeno, lembrando o fusca, mas o conforto e tecnologia é outra história...

    P/ variar, adorei o texto!

    Beijãoooooooooo

    ResponderExcluir
  3. Clara minha querida acredite se quiser mas sou apaixonada por um fusca. E isso que nunca tive um.
    O meu sonho de consumo é o novo modelo. Todo lindão.
    Hummmm... é bom sonhar.
    Bjos querida

    ResponderExcluir
  4. Aqui...... O que que é "fusca"???

    hahahahahahahhahahhahahah...

    Beijuxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

    KK

    ResponderExcluir
  5. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    Goteira foi ótima!
    Clarinha, esse relato foi muito engraçado, mas garanto que valeu a pena ter um fusquinha, né?
    Meu pai adquiriu um fusquinha há uns dois anos atrás e deu uma turbinada nele e o deixou todo organizado. Tudo isso por que lá na cidade dele tem o clube do Fusca, mas já soube por minha mãe que ele quase não sai nele por que diz que é tudo duro, aí se mete no seu modelo moderno.
    Buáááá!!!
    Xeros!

    ResponderExcluir
  6. ah que saudade bateu. Valeu a idéia clara. O meu na época apelidei de baton murche - era perigoso. até a roda caiu - valeu lamarque

    ResponderExcluir
  7. Histórias de vida, minha amiga! Adorei, cada palavra, rsrsrs! Ótima 5ªF p/vc! Abraço fraterno e carinhoso!
    Elaine Averbuch Neves
    http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Oie, tudo bem?
    Então, visitando alguns blog achei o seu rsss me encatei de cara rsss. Lendo e lendo adorei a postgem 'A magia dos blogs' acabei postando no meu e gostaria que você fizesse uma visita. Rss desde agora sou sua seguidora. Rss abraços!

    ResponderExcluir
  9. Você me fez recordar mo meu primeiro carro. Era um fusca azul-rei.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  10. ahahahha qtas aventuras Clara.

    ahahaha ainda bem q deu tempo de chegar ao casamento! rs

    fusca é um carro que todo mundo lembra com carinho né? ele é todo simpático, tem algo especial nele, eu tb tenho saudades dos fuscas da minha vida rs.

    bom dia!

    ResponderExcluir
  11. Oi,
    eu adooooooro fusca! Acho tão charmoso!
    Beijos
    Chris
    http://inventandocomamamae.blogspot.com/
    http://twitter.com/@kitaferreira

    ResponderExcluir
  12. Clara

    Quem não esquece do primeiro fusca?
    Acho que quase todos tiveram um.
    O meu era de cor alaranjado escuro, tinha outra denominação de cor e não me lembro. Acho que era ocre.
    Só sei que viajava muito com ela para a praia.
    Vendi com muita objeção, pois era minha paixão.

    Beijussss

    ResponderExcluir
  13. Clara,eu tb tive um fusquinha e me lembro que acho que não batia bem da cabeça!...rss...Mal tinha tirado carta e ia trabalhar com ele e ainda tinham colegas que se arriscavam em pegar carona comigo!...rss...o carrinho ia cheio!As rodas até arriavam!...rsss...mas com ele aprendi a dirigir!...rsss adorei sua história e senti saudade do meu tb!Bjs,

    ResponderExcluir
  14. Oi Clarinha, me deu até saudade de um fusquinha branco que tivemos.Você descreveu lindamente seu fusca, será sempre inesquecivel pra quem ja teve um fusquinha.Estava vendo uma reportagem até engraçada demais na record. Um Senhor la do Nordeste, amarra o fusca dele com corrente numa árvore perto da casa com medo de alguém roubar o bichinho dele. O fuca vai ficar na história pra sempre.Existem tantos carros que ja fizeram sucesso e hoje ninguém fala, mas o fusquinha sempre está na boca do povo.
    Adorei a história, maravilhosa e deliciosa de ler.
    Beijos grande !

    ResponderExcluir
  15. Clara esse dois comentário acima eu deletei porque entrou com um outro Email. Exclui ele pelas suas configurações. Amei o post. beijos e ótima semana.

    ResponderExcluir

Olá, seja bem vindo e deixe seu comentário!

Eu os responderei por aqui mesmo ou por email, se achar necessário.

São muito bem-vindos, sempre!